AFOGAMENTOS EM RIOS E LAGOS – Como prevenir?

Ola pessoal, o verão chegou e com ele os riscos de um afogamento aumentam muito.

Quando falamos em afogamento pensamos logo em praias. Mas os afogamentos no Brasil ocorrem principalmente em águas naturais como rios, lagos e represas. São estes os locais de maior perigo onde ocorrem 75% das mortes no Brasil.

Geralmente este tipo de afogamento acontece com adultos do sexo masculino que procuram locais isolados em rios, cachoeiras, as vezes para pescar outras para tomar cerveja com os amigos.

Fato é que pelo menos 14 brasileiros morrem nestes locais diariamente e, portanto precisamos conhecer as formas de acabar com este tipo de tragédia no Brasil

A Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático – SOBRASA – esta aqui para lhe dar algumas dicas de como curtir seu dia no rio ou lago sem torná-lo uma tragédia.

Procure sempre um local com segurança de guarda-vidas.
Sempre avise o local que esta indo para um parente e a hora programada para retorno.
Leve sempre um amigo, pois isto aumenta sua segurança.
Antes de pescar ou tomar banho observe qual o local mais seguro, pois estes locais tem uma aparência tranquila que engana a muitos.
Utilize sempre um colete salva-vidas. Isto pode fazer uma grande diferença de vida ou morte a você.
Cuidado com o limo nas pedras ele pode fazer você escorregar e cair na água
Cuidado com buracos e fundos de Lodo, você pode afundar rapidamente.
Se o rio tiver correnteza nunca entre na agua acima do joelho.
Nunca mergulhe de cabeça, pois isto já provocou diversas mortes ou paralisia e
Aprenda como ajudar em situações de emergência.

Se tomadas todas estas dicas de prevenção e você ainda sim cair no Rio, não lute contra a correnteza, guarde suas forças para flutuar e acene por socorro imediatamente. Coloque os pés à frente e a barriga para cima e direcione o braço de forma a usá-lo como um leme, desta forma a própria correnteza o levará a margem.

Se você for socorrer alguém nesta situação, jogue uma corda com algum objeto de flutuação na ponta e mantenha firme após a vitima se agarrar na corda, e a correnteza levará a vitima mais adiante na sua própria margem.

Nunca tente entrar na água para realizar o socorro, isto pode mata-lo. Ao invés disto, chame por ajuda e jogue qualquer material de flutuação para parar o afogamento.

A dica mais importante para todos vocês que gostam de lagos e rios é sempre usar um colete salva-vidas. Isto não é mico nenhum, lembre-se que todos os profissionais de resgate aquático do corpo de bombeiros usam um colete diariamente durante todo o serviço. Mico é não voltar para casa.

Boa diversão pessoal!

Dr David Szpilman

Dr David Szpilman

Dr David Szpilman - Sócio Fundador, Ex-Presidente, Ex-Diretor Médico e atual Secreatário-Geral da SOBRASA; Ten Cel Médico RR do CBMERJ; Médico do Município do Rio de Janeiro; Membro do Conselho Médico e Prevenção da International Lifesaving Federation - ILS; Membro da Câmara Técnica de Medicina Desportiva do CREMERJ. www.szpilman.com