Choque elétrico e trauma – o que fazer?


1º  – Avalie a cena para sua segurança e utilize EPI sempre que possível.
Desligue ou certifique-se que a corrente elétrica que afetou a vitima não pode lhe atingir.
2º – Coloque a mão na testa da vitima para que ela não movimente a cabeça (pois o trauma leva a suspeita de lesão cervical)
Cheque a resposta da vítima perguntando, “Você está me ouvindo?”
Se houver resposta da vítima ela está viva, chame por socorro avançado e aguarde.
3º Se não houver resposta da vítima (inconsciente) – Ligue 193 ou peça a alguém para chamar a ambulância e;
4º – Cheque se existe respiração – ver, ouvir e sentir – ouça e sinta a respiração e veja se o tórax se movimenta.
Se houver respiração, aguarde o socorro avançado (ambulancia) chegar.
SE não houver respiração ou estiver na dúvida sobre a presença de respiração
Abra as vias aéreas, colocando dois dedos da mão direita no queixo e a mão esquerda na testa, e estenda o pescoço;
5º – Cheque novamente se existe respiração – ver, ouvir e sentir.
6º – Se não houver respiração – inicie 2 ventilações boca-a-boca –
Obstrua o nariz utilizando a mão (esquerda) da testa, e com os dois dedos da outra mão (direita) abra a boca e realize 2 ventilações boca-a-boca iniciais
observando um intervalo entre cada uma que possibilite a elevação do tórax, e logo em seguida o seu esvaziamento.
É recomendável a utilização de barreira de proteção (máscara), e
7º – Cheque sinais de circulação – movimentos ou reação à ventilação (Observe movimentos na vítima ou reação a ventilação feita, se houver qualquer reação significa que existe circulação.
Se houver sinais de circulação é uma parada respiratória isolada, mantenha somente a ventilação com 10 vezes por minuto até o retorno espontâneo da
respiração que usualmente acontece nos primeiros minutos de ventilação.
8º – Se não houver sinais de circulação, retire os dois dedos do queixo e passe-os pelo abdômen localizando o encontro das duas últimas costelas,
marque dois dedos, retire a mão da testa e coloque-a no tórax e a outra por sobre a primeira e inicie 30 compressões cardíaca externa.
Avalie a cada 5 ciclos se houver retorno da ventilação (ver, ouvir e sentir) e circulação (se houve resposta a ventilação)
Mantenha a ressuscitação até o socorro avançado chegar, cansaço extremo ou retorno da respiração e circulação.
FAÇA NOSSO CURSO DE SUPORTE BÁSICO DE VIDA – GRATUITO E ON-LINE
https://sobrasa.org/suporte-basico-de-vida/

Dr David Szpilman

Dr David Szpilman

Dr David Szpilman - Sócio Fundador, Ex-Presidente, Ex-Diretor Médico e atual Secreatário-Geral da SOBRASA; Ten Cel Médico RR do CBMERJ; Médico do Município do Rio de Janeiro; Membro do Conselho Médico e Prevenção da International Lifesaving Federation - ILS; Membro da Câmara Técnica de Medicina Desportiva do CREMERJ. www.szpilman.com