Bombeiros realizam ações preventivas contra afogamentos nas escolas – Santa Catarina

Por
BRUNA LALINE RAMOS/ESTAGIÁRIA/JMV
6/12/2013 09:18:15
No verão, as ocorrências de afogamento envolvendo crianças aumentam, por isso, é preciso prevenir
bruna@jornaldomediovale.com.br
TIMBÓ – O Corpo de Bombeiros Militar de Timbó iniciou ações preventivas contra afogamentos nas escolas da rede municipal e estadual da região do Médio Vale do Itajaí no final do mês de novembro, conforme informações do Comandante Interino da 2ª Companhia do 3º Batalhão de Bombeiros Militar de Timbó, 2º Tenente Filipe Deminelli.
Todas as escolas dos municípios de Timbó, Benedito Novo e Rio dos Cedros, estão sendo contempladas com a visita de Bombeiros Militares, que estão repassando conhecimentos sobre os riscos de afogamentos nos açudes, lagos e rios da região, bem como, estão divulgando o trabalho preventivo da Operação Veraneio 2013-2014, que se realizará nas barragens de Pinhal e Alto Palmeiras, no município de Rio dos Cedros.
“A região possui grande capilaridade de rios, e nesta época do ano, as ocorrências de afogamento crescem consideravelmente, principalmente envolvendo crianças. Deste modo, as atividades de prevenção possuem caráter educativo junto às crianças e tornam os professores verdadeiros multiplicadores das ações de prevenção”, explica Daminelli.
Segundo informações do Soldado Retke, do Corpo de Bombeiros de Timbó, a intenção é conseguir realizar as ações em todas as escolas do município antes do início das férias escolares deste mês. “Já estivemos nas escolas Júlio Scheidemantel, Polidoro Santiago, Ruy Barbosa, Erwin Prade e Cetisa. Ainda faltam as escolas Hugo Roepke, Nestor Margarida, Juvenal Cardoso Zanella, Maurício Germer, Padre Marinho Stein, São Roque, Emir Ropelato, Tiroleses e Clara Donner”, afirma Retke.
Ainda segundo ele, não há um cronograma de visitação definido, pois os Bombeiros dão prioridade, logicamente, às emergências que acontecem na cidade, mas sempre que estão disponíveis, vão nas escolas e, com autorização de diretores e professores, conversam com os alunos.
Confira algumas dicas que podem salvar vidas:
– Se pretende entrar na água, cuidado com os excessos de comida e bebida. Jamais entre com o estômago cheio;
– As crianças sempre devem estar na vista dos pais e, de preferência, identificadas com um bracelete com nome e telefone do responsável;
– É preciso respeitar as bandeiras de sinalização, que são comuns nas praias. A bandeira verde indica “local seguro”, a amarela é “atenção” e a vermelha é “perigo”;
– Se for socorrer alguém que esteja se afogando, leve sempre um objeto flutuante e peça ajuda. Não tente sozinho, pois você pode ser outra vítima;
– Se você estiver na água e começar a se sentir mal ou perceber que vai se afogar, grite por socorro;
– Aprenda métodos de primeiros socorros para auxiliar vítimas de afogamento;
– Quando estiver nadando, não lute contra a correnteza. Nade a favor dela ou em diagonal;
– Antes de entrar na água, peça para um guarda-vidas qual é o melhor local para nadar;
– Evite mergulhar em rios e cachoeiras, principalmente se você não conhece o local;
– Fique sempre atento, pois os afogamentos acontecem quando menos se espera;
– E não esqueça, a segurança em primeiro lugar!
Foto: Bombeiros Timbó
Dr David Szpilman

Dr David Szpilman

Dr David Szpilman - Sócio Fundador, Ex-Presidente, Ex-Diretor Médico e atual Secreatário-Geral da SOBRASA; Ten Cel Médico RR do CBMERJ; Médico do Município do Rio de Janeiro; Membro do Conselho Médico e Prevenção da International Lifesaving Federation - ILS; Membro da Câmara Técnica de Medicina Desportiva do CREMERJ. www.szpilman.com